quarta-feira

Amor(a) silvestre



és livro por escrever
desenho um sorriso no teu corpo aberto
à descoberta de sabores renovados em noites escaldante
enquanto cais no meu peito
que geme inquieto 
nas tuas mãos de príncipe
que seguram lágrimas doces de manhãs submersas
em rios de vida
com que me acaricias o olhar

e o amor são quatro letras apenas
que tecem mundos
para eu habitar.